Loading...

Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Quadro dedicado à Poesia. É obrigatório mencionar o Autor

Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Ary dos Santos-Poeta Castrado...


:1037: :1037: :1037:

Mensagem Author: Marilu » 27 mar 2011, 02:12



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Retrato do Povo de Lisboa

É da torre mais alta do meu pranto
que eu canto este meu sangue este meu povo.
Dessa torre maior em que apenas sou grande
por me cantar de novo.

Cantar como quem despe a ganga da tristeza
e põe a nu a espádua da saudade
chama que nasce e cresce e morre acesa
em plena liberdade.

É da voz do meu povo uma criança
seminua nas docas de Lisboa
que eu ganho a minha voz
caldo verde sem esperança
laranja de humildade
amarga lança
até que a voz me doa.

Mas nunca se dói só quem a cantar magoa
dói-me o Tejo vazio dói-me a miséria
apunhalada na garganta.
Dói-me o sangue vencido a nódoa negra
punhada no meu canto.

Ary dos Santos

Mensagem Author: Marilu » 04 mai 2012, 20:04



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Quando um homem quiser

Tu que dormes a noite na calçada de relento
Numa cama de chuva com lençóis feitos de vento
Tu que tens o Natal da solidão, do sofrimento
És meu irmão amigo
És meu irmão

E tu que dormes só no pesadelo do ciúme
Numa cama de raiva com lençóis feitos de lume
E sofres o Natal da solidão sem um queixume
És meu irmão amigo
És meu irmão

Natal é em Dezembro
Mas em Maio pode ser
Natal é em Setembro
É quando um homem quiser
Natal é quando nasce uma vida a amanhecer
Natal é sempre o fruto que há no ventre da Mulher

Tu que inventas ternura e brinquedos para dar
Tu que inventas bonecas e combóios de luar
E mentes ao teu filho por não os poderes comprar
És meu irmão amigo
És meu irmão

E tu que vês na montra a tua fome que eu não sei
Fatias de tristeza em cada alegre bolo-rei
Pões um sabor amargo em cada doce que eu comprei
És meu irmão amigo
És meu irmão

Natal é em Dezembro
Mas em Maio pode ser
Natal é em Setembro
É quando um homem quiser
Natal é quando nasce uma vida a amanhecer
Natal é sempre o fruto que há no ventre da Mulher

Mensagem Author: Marilu » 09 mai 2012, 19:41



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Meu Camarada e Amigo

Revejo tudo e redigo
meu camarada e amigo.
Meu irmão suando pão
sem casa mas com razão.
Revejo e redigo
meu camarada e amigo

As canções que trago prenhas
de ternura pelos outros
saem das minhas entranhas
como um rebanho de potros.
Tudo vai roendo a erva
daninha que me entrelaça:
canção não pode ser serva
homem não pode ser caça
e a poesia tem de ser
como um cavalo que passa.

É por dentro desta selva
desta raiva deste grito
desta toada que vem
dos pulmões do infinito
que em todos vejo ninguém
revejo tudo e redigo:
Meu camarada e amigo.

Sei bem as mós que moendo
pouco a pouco trituraram
os ossos que estão doendo
àqueles que não falaram.

Calculo até os moinhos
puxados a ódio e sal
que a par dos monstros marinhos
vão movendo Portugal
— mas um poeta só fala
por sofrimento total!

Por isso calo e sobejo
eu que só tenho o que fiz
dando tudo mas à toa:
Amigos no Alentejo
alguns que estão em Paris
muitos que são de Lisboa.
Aonde me não revejo
é que eu sofro o meu país.

Ary dos Santos, in 'Resumo

Mensagem Author: Marilu » 19 mai 2012, 19:33



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

O Objecto - Ary dos Santos


Mensagem Author: Marilu » 26 mai 2012, 20:18



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Caminharemos de Olhos Deslumbrados

Caminharemos de olhos deslumbrados
E braços estendidos
E nos lábios incertos levaremos
O gosto a sol e a sangue dos sentidos.

Onde estivermos, há-de estar o vento
Cortado de perfumes e gemidos.
Onde vivermos, há-de ser o templo
Dos nossos jovens dentes devorando
Os frutos proibidos.

No ritual do verão descobriremos
O segredo dos deuses interditos
E marcados na testa exaltaremos
Estátuas de heróis castrados e malditos.

Ó deus do sangue! deus de misericórdia!
Ó deus das virgens loucas
Dos amantes com cio,
Impõe-nos sobre o ventre as tuas mãos de rosas,
Unge os nossos cabelos com o teu desvario!

Desce-nos sobre o corpo como um falus irado,
Fustiga-nos os membros como um látego doido,
Numa chuva de fogo torna-nos sagrados,
Imola-nos os sexos a um arcanjo loiro.

Persegue-nos, estonteia-nos, degola-nos, castiga-nos,
Arranca-nos os olhos, violenta-nos as bocas,
Atapeta de flores a estrada que seguimos
E carrega de aromas a brisa que nos toca.

Nus e ensanguentados dançaremos a glória
Dos nossos esponsais eternos com o estio
E coroados de apupos teremos a vitória
De nos rirmos do mundo num leito vazio.


Ary dos Santos, in 'Liturgia do Sangue'

Mensagem Author: Marilu » 16 jun 2012, 01:42



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Não passam mais


Mensagem Author: Marilu » 22 jul 2012, 05:10



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

"Requiem Para Um (Ou Mais)..."


Mensagem Author: Marilu » 24 out 2012, 23:45



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Nona Sinfonia

É por dentro de um homem que se ouve
o tom mais alto que tiver a vida
a glória de cantar que tudo move
a força de viver enraivecida.

Num palácio de sons erguem-se as traves
que seguram o tecto da alegria
pedras que são ao mesmo tempo as aves
mais livres que voaram na poesia.

Para o alto se voltam as volutas
hieráticas sagradas impolutas
dos sons que surgem rangem e se somem.

Mas de baixo é que irrompem absolutas
as humanas palavras resolutas.
Por deus não basta. É mais preciso o Homem.

Ary dos Santos, in 'O Sangue das Palavras'

Mensagem Author: Marilu » 04 mar 2013, 00:12



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Ary dos Santos-Poeta Castrado...

Mensagem

Retrato do Herói

Herói é quem num muro branco inscreve
O fogo da palavra que o liberta:
Sangue do homem novo que diz povo
e morre devagar de morte certa.

Homem é quem anónimo por leve
lhe ser o nome próprio traz aberta
a alma à fome fechado o corpo ao breve
instante em que a denúncia fica alerta.

Herói é quem morrendo perfilado
Não é santo nem mártir nem soldado
Mas apenas por último indefeso.

Homem é quem tombando apavorado
dá o sangue ao futuro e fica ileso
pois lutando apagado morre aceso.

Ary dos Santos, in 'Fotosgrafias'

Mensagem Author: Marilu » 04 mar 2013, 00:18



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 8 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Voltar para Sessões de Poesia

Quem está ligado:

Membros ligados: masterpaulo

Siga-nos:  Facebook   Twitter   Google+
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Group