Loading...

Manuel da Fonseca - Estou aqui...

Quadro dedicado à Poesia. É obrigatório mencionar o Autor

Manuel da Fonseca - Estou aqui...

Mensagem

Estou aqui...
Vim dum mundo
Parado
Quieto
Sem emoção
E agora
És tu que o guardas
No fundo do meu ser
Silencioso e em vão

Foi nesta casa acolhedora
Branca da minha paz
Que te "conheci"
Sem ver o teu rosto
Sem nada saber de ti

A tua imagem
É como dois bálsamos
Que seguro na minha mão
Ternura em vez de dedos
E ausência em vez de coração

Estou aqui...

Vem descobrir-me, amor
Em comentários de mil cores
Sempre presentes
Nas formas mais ausentes
Porque não me vês, amor?

O teu olhar é mudo
E as palavras transparentes
Tremo à tua passagem
Dentro da tua imagem
Decifrando as minhas paragens
Que por aqui deixo, perdidas...

Estou aqui, amor...

Manuel da Fonseca

Mensagem Author: abutre » 17 abr 2012, 20:43



______________________________________________________________________________________________
Partilha connosco o que achares importante.
Tem Atenção aos Pedidos de ajuda. Também já foste ajudado!


Se gostaste do Tópico ou da Publicação, agradece para que este fórum Viva.

Todos os Links para Download mais tarde ou mais cedo EXPIRAM . Não garanto a sua
reposição em todas as minhas publicações. Não faço os Uploads, limito-me a encontra-los na rede.

______________________________________________________________________________________________
Avatar do Utilizador
abutre
Admin
 
Mensagens: 4880
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 60 posts
Registado: 10 mai 2006, 15:31

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Manuel da Fonseca - Estou aqui...

Mensagem

Tu e Eu Meu Amor

Tu e eu meu amor
meu amor eu e tu
que o amor meu amor
é o nu contra o nu.

Nua a mão que segura
outra mão que lhe é dada
nua a suave ternura
na face apaixonada
nua a estrela mais pura
nos olhos da amada
nua a ânsia insegura
de uma boca beijada.

Tu e eu meu amor
meu amor eu e tu
que o amor meu amor
é o nu contra o nu.

Nu o riso e o prazer
como é nua a sentida
lágrima de não ver
na face dolorida
nu o corpo do ser
na hora prometida
meu amor que ao nascer
nus viemos à vida.

Tu e eu meu amor
meu amor eu e tu
que o amor meu amor
é o nu contra o nu.

Nua nua a verdade
tão forte no criar
adulta humanidade
nu o querer e o lutar
dia a dia pelo que há-de
os homens libertar
amor que a eternidade
é ser livre e amar.

Tu e eu meu amor
meu amor eu e tu
que o amor meu amor
é o nu contra o nu.

Manuel da Fonseca

Mensagem Author: Marilu » 06 mai 2012, 20:53



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 7 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Re: Manuel da Fonseca - Estou aqui...

Mensagem

Noite de Sonhos Voada

Noite de sonhos voada
cingida por músculos de aço,
profunda distância rouca
da palavra estrangulada
pela boca armodaçada
noutra boca,
ondas do ondear revolto
das ondas do corpo dela
tão dominado e tão solto
tão vencedor, tão vencido
e tão rebelde ao breve espaço
consentido
nesta angústia renovada
de encerrar
fechar
esmagar
o reluzir de uma estrela
num abraço
e a ternura deslumbrada
a doce, funda alegria
noite de sonhos voada
que pelos seus olhos sorria
ao romper de madrugada:
— Ó meu amor, já é dia!...

Manuel da Fonseca, in "Poemas Dispersos"

Mensagem Author: Marilu » 08 set 2012, 01:52



Imagem
Avatar do Utilizador
Marilu
Moderador
 
Mensagens: 1948
Gostas de: 19 posts
Teus gostam de: 7 posts
Registado: 22 mar 2009, 13:14

Partilhar no:

Facebook Partilhar no Twitter Twitter Partilhar no Google+ Google+

Voltar para Sessões de Poesia

Quem está ligado:

Membros ligados: bolinha79, corrupto1974, DIGI, eliascam, mafi, Riki

Siga-nos:  Facebook   Twitter   Google+
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Group